De forma resumida, a previsão orçamentária é feita para analisar e decidir sobre como o dinheiro que o condomínio arrecadou será gasto no próximo ano. Em outras palavras, essa é uma previsão futura de todas as despesas do condomínio, com base nos gastos do ano atual. 

Desse modo, síndico é o responsável por realizar essa previsão e apresentar ao Conselho Fiscal e à Assembleia Geral. 

Fazer uma previsão orçamentária para condomínios não é tão simples quanto parece, pois é preciso diligência e planejamento, além atenção a todos os detalhes. Sendo assim, o primeiro passo é o síndico e o conselho fiscal montarem uma lista com todas as despesas. 

Nessa lista, é preciso que tenha todos os gastos e despesas que o condomínio teve durante os meses, tais como:  

  • Conta de água, luz, gás, taxas, contribuições e impostos; 
  • Folha de pagamento dos empregados e encargos trabalhistas; 
  • Insumos básicos, seguros e pequenas manutenções; 
  • Aparelhos de segurança; 
  • Manutenções preventivas; 
  • E muito raro encontrar, um Plano de Investimentos. 

Importante observar os gastos sazonais durante esse processo. Em certas épocas do ano, é normal que tenha um gasto maior com determinadas despesas, como no verão, por exemplo, é normal que as pessoas gastem mais água. 

É válido lembrar que esse cálculo deve ser feito considerando uma margem caso haja imprevistos. Ou seja, aumente um pouco os valores, não precisa colocar exatamente o mesmo número. 

E cada vez mais relevante é o Plano de Investimentos do condomínio, que deve levar em contas fatores como depreciação, desgastes e o custo excessivo de manutenções. Além de avaliar os eventuais benefícios, como por exemplo: aquecimento na piscina, renovação dos aparelhos da academia e ampliação das áreas de lazer em geral. 

Nestes casos, somente o saldo acumulado em caixa do Fundo de Obras/Reserva não seja suficiente. Sendo assim, o condomínio tem a opção das operações de crédito com prazos alongados, que permite o rateio com baixo impacto mensal. 

Ter um plano de investimentos consistente é fundamental para uma boa gestão, permitindo um correto planejamento dos investimentos.

Murialdo Crescencio 

CEO da Emprestacondo 

30 anos de mercado bancário. 

Posts Relacionados

© 2024 – EmprestaCondo
Todos os direitos reservados